Postagem em destaque

CPC/RN PROMOVEU A I NOITE DAS HOMENAGENS EM NATAL

 Foto: Mesa de abertura, homenageados e Eduardo Vasconcelos-CPC/RN  Eduardo Vasconcelos - Presidente do Centro Potiguar de Cultura - ...

quarta-feira, 3 de maio de 2017

PRESIDENTE DO CPC/RN, EDUARDO VASCONCELOS JÁ SE ENCONTRA EM CURRAIS NOVOS VISANDO A ESTRUTURAÇÃO DO VII EEC

 Eduardo e Lucas entre o prefeito de Currais Novos, Odon Jr após conversarem com o mesmo
 Eduardo Vasconcelos ao lado do presidente da Câmara de Currais Novos, Vereador João Alves e Lucas, após entregarem o convite ao mesmo para participar da abertura do VII EEC

 Emerson, Mariana, Lorena, Lucas e Eduardo Vasconcelos
 Membros do Coral da Escola Estadual Cap. Mor Galvão, professores em uma rápida reunião com o Eduardo Vasconcelos - CPC/RN - Fotos: Professor Marcos (direita)
Mariana, Lucas, Emerson, Eduardo e Maria Lorena
Hoje (3), Eduardo Vasconcelos, presidente do Centro Potiguar de Cultura – CPC/RN, chegou pela manhã a Currais Novos, localizada na Região do Seridó Potiguar e já foi logo mantendo contatos com o Prefeito, Odon Júnior; com o Presidente da Câmara Municipal, José Alves , Chefe de Gabinete da Prefeitura, Francisco (ex prefeito de Parelhas), com o Secretário Municipal de Educação e Cultura, professor Jorian Pereira dos Santos e com membros do Coral da Escola Estadual Capitão Mor Galvão, onde o único assunto foi:  A estruturação, objetivos e finalidades  do VII ENCONTRO ESTADUAL DE CULTURA – VII EEC, que ocorrerá próximo sábado (6) no IFRN de Currais Novos.

Eduardo Vasconcelos ficou satisfeito com o calor fraterno das pessoas e agora é partir para as confirmações das cidades convidadas.  Eduardo adianta que foram aproximadamente convidadas 16 cidades, distribuídas pelas regiões do litoral (Baía Formosa e Natal), Agreste: (Nova Cruz, Passa e Fica e Santo Antônio), Seridó (Parelhas, Lagoa Nova e Currais Novos) , Alto Oeste: Mossoró, Upanema e Assú) e Oeste Potiguar: (Pau dos Ferros, Alexandria e São Miguel), Trairi: (Santa Cruz, Lages Pintada e Tangará), totalizando aproximadamente 130 convidados, entre artistas, sindicalistas e autoridades. Outras cidades irão confirmar.

“O encontro se faz necessário pela atual situação em que se encontra o País, discutir as políticas adotadas na cultura pelo atual governo se faz necessário, além disso elaboraremos um documento traçando a realidade e o querer da transformação concretas das ações ligadas direta na cultura brasileira.” – Disse Eduardo Vasconcelos.

No decorrer do evento irá ser elaborado um documento que irá ser encaminhado ás autoridades em todas as esferas, contendo as posições e reivindicações dos artistas presentes.


Os participantes não pagarão taxas de inscrições e receberão certificados de participação.